Eu avisei...

TPL_IN

Caetano Veloso já falou por aí que cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é. Para mim, essa é uma das frases mais geniais de todos os tempos. O pensamento tão sábio pode ser traduzido em bom português para “cada um sabe o seu calo aperta”. Só eu sei calcular o tamanho do meu sofrimento, da minha angústia, da minha alegria e da minha felicidade. Até onde eu sei não existe máquina capaz de medir sentimentos.

Algumas pessoas me irritam profundamente com aquela de mania de dizer “eu sei o que você está sentindo...”. Olha, me desculpa, mas não sabe não. Os pepinos variam dependendo da vida que você leva. O meu problema financeiro ou o meu problema de saúde é só meu. O seu é só seu. O que pode existir é uma troca de experiências, e uma ajuda de quem já passou por alguma coisa parecida. Mas saber o que o próximo está sentindo, é impossível, porque ninguém consegue entrar no pensamento de outra pessoa.

Muitas vezes eu até que queria ler pensamentos. Seria muito mais fácil de ajudar e de ser ajudada. Mas não dá. Não rola. As coisas não acontecem assim. Esse grupo que diz “sei exatamente o que você está passando” costuma ser o mesmo que diz “eu avisei”... Pior ainda!!!

E o mais engraçado é que só te falam essas coisas quando você está por baixo. É terrível quando você já está numa pior, sabendo que fez uma caca sem tamanho, e chega um infeliz e te fala: “eu falei para você que isso ia acontecer”. A arrogância de gente assim é insuportável! Dá aquela impressão de que estava torcendo contra o tempo inteiro. Gente, pelo amor de Deus, pode até pensar uma coisa dessas, mas não expressa, pelo menos quando for comigo, tá? É de uma crueldade sem fim!

E quando a gente parte para o campo sentimental parece que surge um monte de urubu na hora da tristeza para dizer “eu avisei”, “eu sabia”, “eu já passei por isso”, “eu entendo” e outros correlatos. Faça-me o favor!!! Não sabe, não entende e nunca passou por isso, porque as pessoas envolvidas no seu drama são pessoas diferentes do meu drama, então dá um tempo, tá bom?

Mas, tudo bem. A vida é feita disso mesmo. Só me resta saber que vou continuar escutando essas coisas por mais que me deixem tão contrariada.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar